Como criar um site do zero

Voltar para home

Como criar um site do zero

Durante muito tempo, construir um site foi considerado uma tarefa difícil. Para ter uma página publicada na internet, era necessário ter conhecimentos em linguagens de programação ou saber como tratar imagens. Felizmente, hoje em dia há diversas plataformas que criam sites de maneira fácil.

Apesar de as redes sociais terem ganhado força e funcionarem bem como ferramenta de comunicação para empresas, ter um site bem estruturado deve fazer parte da estratégia digital da sua escola.

Além de servir como um cartão de visitas e disponibilizar de forma fácil as principais informações e contatos, o site é um importante canal de comunicação com alunos e família.

Neste post, vamos explicar como criar um site do zero: apresentaremos plataformas e soluções para você colocar uma página no ar de maneira simples e rápida.

Criadores de sites

Como comentamos anteriormente, você não precisa mais ser um gênio da computação para criar um site para a sua empresa. Na verdade, esse processo ficou tão fácil que não demora mais do que alguns dias montar um site simples com os criadores disponíveis hoje no mercado.

Muitas dessas ferramentas são gratuitas e possuem grande variedade de temas prontos para sites, que funcionam em computadores e celulares (versão mobile). Além disso, criadores de sites permitem criar até mesmo blogs e lojas virtuais de maneira descomplicada.

Primeiro, é necessário entender qual é o tipo de site ideal para a sua escola, quantas páginas ele terá e qual será a constância das atualizações. A partir dessas definições, fica muito mais fácil escolher a plataforma certa.

Utilizar criadores de sites é uma ótima opção para criar páginas simples com poucos cliques. Se o objetivo é ter uma página no ar com as principais informações sobre a sua escola, recorrer a  alguma das plataformas a seguir pode ser o caminho mais fácil.

– Wix

O Wix é um dos criadores de sites mais utilizados do momento. A plataforma conta com templates excelentes e extremamente flexíveis. Também existe a possibilidade de adicionar animações e outros aplicativos, que trazem ainda mais recursos e interatividade para o seu site.

– GoDaddy

A GoDaddy começou como uma empresa de hospedagem e registro de endereços na web e hoje conta com uma ótima plataforma para a criação de sites. Possui diversos temas disponíveis, além de oferecer suporte constante aos seus clientes.

– WordPress

Conhecido como uma das principais plataformas de blogs do mundo, o WordPress oferece todos os recursos necessários para o desenvolvimento de um site. Engana-se quem pensa que é apenas para blogs, já que a plataforma dispõe até de mais recursos do que a maioria dos seus competidores. É possível ter o seu site hospedado nos servidores do WordPress ou instalar o site em um servidor de sua preferência.

Hospedando o site da sua escola

Todo site publicado na internet está hospedado em algum servidor. As plataformas de criação de sites, em sua maioria, já se encarregam de armazenar as fotos e páginas do seu site. Mas, se a sua opção for criar um site sem o auxílio dessas ferramentas, você precisará de um serviço de hospedagem.

Alguns dos principais sites de hospedagem são GoDaddy, Locaweb, HostGator, UOL Host, entre outros. Os valores dos serviços dependem de fatores como o espaço necessário para hospedar o site e a banda exigida para receber o tráfego de usuários. Você também pode optar por contratar certificados de segurança e contas de e-mail personalizadas.

Grande parte das empresas que contam com serviços de hospedagem também oferecem domínios para sites, muitas vezes gratuitamente. O endereço do site deve ser simples e, de preferência, conter apenas o nome da escola. Hoje em dia é possível comprar domínios específicos para algumas cidades brasileiras, como “sjc.br” para São José dos Campos e “campinas.br” para Campinas.

Como estruturar o seu site

É bom enfatizar que não existe um modelo único a ser seguido quando falamos da construção de um site. Algumas escolas podem escolher ter um site que é atualizado constantemente com notícias das atividades internas, enquanto outras preferem apenas disponibilizar informações sobre a instituição e canais de contato.

Se você ainda não sabe quais páginas deve criar para a sua escola, é bom começar pelo básico. Idealmente, o site deve ter uma primeira página, que traz um pouco da escola e seus benefícios; uma página “quem somos”, sobre o corpo docente da instituição; uma página que apresenta as atividades realizadas com os alunos e uma página com os contatos da escola.

Muitas escolas, hoje em dia, mantêm blogs, em que é possível acompanhar um pouco o dia a dia da escola, trazer conteúdos extras, dicas e muito mais. Essa é uma ótima maneira de manter a família próxima e informada. Outra opção é criar um álbum de fotos digital, em que podem ser compartilhadas fotos de eventos e da infraestrutura da escola. 

Contratando um webdesigner

Construir um site do zero se tornou um processo simples, mas ainda há quem prefira contratar um profissional especializado para isso. 

Dependendo do nível de complexidade do site de que a sua escola precisa, essa pode ser mesmo a melhor opção. Uma empresa especializada pode criar um site mais completo e robusto, com áreas de acesso para professores, alunos e familiares.

Além disso, uma agência também pode desenvolver uma campanha de marketing digital para o seu negócio, começando com a criação do site.

Se você gostou desse conteúdo, assine a nossa newsletter para ter acesso a outros textos como este! Acompanhe o Sistema Poliedro também nas redes sociais no Instagram, Facebook e LinkedIn 

Venha fazer parte do Sistema de Ensino Poliedro.

Seja Uma Escola Parceira

Voltar para home